A Revelação de Deus aos Homens

Quando Deus criou o homem, criou-0 com o propósito de ter comunhão com Sua criatura, criou-o sem pecado e livre das algemas da morte. Certamente o homem homem foi homem foi criado para não morrer. Talvez por causa disso seja tão difícil para o ser humano aceitar a morte, sendo ela tão natural. Óbvio, não o homem foi criado para morrer. Este relacionamento de Deus com o homem era pessoal e direto, Deus mantinha uma relação estreita e constante com Adão e Eva. Deus conversava com eles Diretamente:

E chamou o SENHOR Deus ao homem e lhe perguntou: Onde estás? Gn 3:9

O propósito de Deus que era seu relacionamento com o permanente fosse homem e que o homem pudesse gozar da companhia do Senhor diariamente. No entanto o homem pecou e precisou ser temporariamente separado de Deus, pois Deus é Santo e não poderia ter comunhão com o pecado. A conseqüência do pecado na vida do homem foi catastrofica.

E a Adão disse: Visto que atendeste a voz de tua mulher e comeste da árvore que eu te ordenara não comesses, maldita é a terra por tua causa; em fadigas obterás dela o sustento durante os dias de tua vida. Ela produzirá também cardos e abrolhos, e tu comerás uma erva do campo. No suor do rosto comerás o teu pão, até que tornes à terra, pois dela foste formado; porque tu és pó e ao pó Tornaràs. …. O SENHOR Deus, por isso, o lançou fora do jardim do Éden, a fim de lavrar a terra de que fora tomado. Gen. 3:17-19,23.

Diante dessa situação o homem teria que viver afastado de Deus, condenado à morte eterna e Sob o Domínio do Diabo. No entanto, como sabemos, os desígnios de Deus não podem ser frustrados. Deus de imediato e Através da sua onisciência já tinha um plano de redenção e de restauração da situação caída do homem. Jesus Cristo viria ao mundo e pagaria o preço da redenção do homem eo traria de volta à comunhão com seu Criador.

Desde a criação, Deus tem se MANIFESTADO ao homem e se revelado a ele. A necessidade de uma revelação de Deus aos homens advêm do fato de que Deus é o incompreensível. O homem não pode conhecê-Lo como Ele é Nas Profundezas de Seu Ser Divino. Só o Espírito de Deus pode esquadrinhar as coisas profundas de Deus (1 Co 2.10, 11). É impossível ao homem ter um conhecimento perfeito de Deus, para possuí-Io porque teria de ser maior do que Deus. A pergunta de Jó é uma negação direta da habilidade do homem para compreender o Infinito: 

 Porventura desvendarás os arcanos de Deus ou penetrarás até a perfeição do Todo-Poderoso? Jó 11:7

Ao mesmo tempo é Possível conhecer ao homem a Deus numa medida que é perfeitamente Adequada às suas Necessidades pessoais. Mas até mesmo este conhecimento só pode ser adquirido porque aprouve a Deus revelar Se

Claramente distingui-se duas espécies de revelações de Deus aos homens: A Revelação Geral, ou natural, e a Revelação Sobrenatural, especial.

A revelação Geral, ou natural não vem ao homem diretamente por comunicações verbais. Consiste numa incorporação do pensamento divino nos fenômenos na natureza, na constituição geral da mente humana, e nos fatos da experiência ou da história. Deus fala ao homem através de toda a sua criação, nas forças e nos poderes da natureza, na constituição da mente humana, na voz da consciência, e no governo providencial do mundo em geral e das vidas dos indivíduos em particular. A voz de Deus fala para os corações de todos os homens, até mesmo daqueles que não têm a lei escrita de Deus. Na sua providência, Deus sabia que nem todos os homens teriam acesso às verdades escritas de modo que escreveu uma lei no coração do homem e é através desta escrita que Deus se comunica com todos os homens, inclusive com aqueles que não acreditam N´Ele.

Por outro lado, além da revelação geral, o homem tem uma revelação especial, que são as Escrituras Sagradas contidas na Bíblia. A Bíblia declara ser a verdade de Deus, divinamente registrada como escritura.

Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra. II Timóteo 3:16,17

 Imediatamente deve surgir a pergunta: Por que Deus teria duas revelações? A primeira é insuficiente? O cristão responde que há duas razões por que Deus acrescenta Sua revelação sobrenatural à natural. Primeiramente em virtude dos efeitos do pecado no coração e nas mentes dos homens caídos. Mediante o pecado, a mente dos homens estão obscurecidas:

obscurecidos de entendimento, alheios à vida de Deus por causa da ignorância em que vivem, pela dureza do seu coração. Ef. 4:18

Portanto, o homem precisaria de uma revelação especial para iluminar sua mente. Somente então pode enxergar a verdade que lhe é revelada no mundo natural que seu pecado obscureceu. Além disso a revelação especial de Deus é mais clara e explícita do que a revelação natural. A maioria dos evangélicos afirma que a revelação geral de Deus é suficiente somente para revelar ao homem o padrão moral; não é suficiente para a salvação. No entanto acredita-se que aquele que procura seguir a luz que revela a ação natural de Deus, Deus lhe dará luz adicional de que precisa para ser salvo.

About these ads

0 Responses to “A Revelação de Deus aos Homens”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: